Inicial > Astrología e Horóscopo > Astrologia Kármica: Vênus e o Amor (2)

Astrologia Kármica: Vênus e o Amor (2)

Agora você já entende alguma coisa da Vênus e sabe que este planeta é muito importante para nossos relacionamentos íntimos e emoções positivas.

Com poucas palavras-chave: o Sol significa Deus, o pai e a vida em si; a Lua é a mãe, a natureza, o passado; Mercúrio nos dá o poder de pensar e comunicar; Marte significa a energia divina, a semente brotando que apenas batalha para viver e crescer.

Assim, Vênus está em boa companhia com suas emoções e a capacidade de amar e sentir a felicidade. Porem, quando não consegue desenvolver estes sentimentos positivos, algo deve estar errado e este algo somente pode ter razões kármicas, se não queremos dizer que nosso Criador é um Deus que apenas quer nos julgar e condenar, sendo injusto e vingativo e não um Deus de amor e perdão.

Para descobrir o que está errado com nossos sentimentos e relacionamentos íntimos, serve perfeitamente a Astrologia Kármica, verificando as condições da Vênus no mapa astral. A falte de amor em vidas passadas se mostra na maioria dos casos como Falta de Capacidade de Amar e requer aprendizagens muito dolorosas nas reencarnações subsequentes.

Ainda hoje acontecem casos kármicos que tem sua origem nos acontecimentos cruéis da antiga inquisição e não são poucos. Ou são exemplos de atos violentos em guerras. As vezes, se pode ate definir, em qual guerra e em qual pais aconteceu. Mas pode ser também nada tão expressivo, como por exemplo o comportamento feio e maligno de um padastro/madrasta com seus enteados. Hoje tem problemas em ter filhos ou sofrem com o comportamento deles.

Outros simplesmente humilharam pessoas e sofrem hoje do mesmo jeito humilhações. Alguém que humilhou no passado pessoas gordas, pode renascer com a tendencia de engordar e sofrer também humilhações.

O karma, normalmente, paga com a mesma moeda e o mesmo peso dos atos cometidos no passado. Quem matou, também morre violentamente. Quem somente causou danos, sofre dos mesmo danos.

Muito interessante são os casos da homossexualidade que normalmente não são bem aceitos e entendidos pela sociedade. Nunca podem ser considerados como doenças, loucura e deficiências genéticas, são simplesmente necessidades kármicas. Após uma serie de reencarnações como homem ou mulher, uma mudança de sexo é necessária por razões kármicas.

Por exemplo, um homem em vidas passadas, maltratou gravemente mulheres. Para sentir os mesmos maltratos no próprio corpo, ele se reencarnou hoje como mulher. Quando suas tendencias e características masculinas ainda estão muito fortes, ele se torna homossexual. O mesmo vale para o sexo oposto, de uma mulher que de repente se encontra num corpo masculino, sentindo ainda seu antigo ser feminino. Não é fácil de entender?

O assuntou não se esgotou com estas poucas palavras.

Imagem: ‘O nascimento de Venus de Sandro Botticelli’

Anúncios
  1. Nenhum comentário ainda.
  1. No trackbacks yet.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: