Inicial > Consciencia, Perigos > Sabe o que é “Suicídio Científico”? (3)

Sabe o que é “Suicídio Científico”? (3)

A Ciência está nos matando, se você está acreditando ou não!

Como espécie estamos cometendo suicídio, pois permitimos que a ciência domina a nossa medicina, agricultura, alimentação e indústrias de defesa. Na medida em que permitimos que os cientistas usam o mundo para suas experiências perigosas sem os testes adequados – as vacinas da gripe, por exemplo, nunca foram cientificamente testadas a respeito da segurança ao longo prazo – estamos apenas cavando mais rapidamente a nossa própria sepultura! Precisamos aprender a acorrentar as cegas ambições de cientistas arrogantes que querem “brincar de Deus”. Caso contrário, os objetivos irresponsáveis da “Ciência sem Sabedoria” necessária vão levar-nos a nossa própria morte.

2013-08-07Em seguida, podemos esperar que em nome da ciência surgem Robô-Drones – um novo tipo de máquinas-terminadoras (Drones Al não tripuladas), que podem sem pensar lançar bombas sobre uma população civil, ou atirar neles. Tais Drones são desenvolvidos, naturalmente, em nome da “ciência” ou da “paz”, com todas suas estranhas fantasias egocêntricas dos inventores, que apesar dos seus intelectos superiores, nunca conseguiram estudar a história da humanidade.

E se não somos atingidos pelos Drones, então a nanotecnologia pode significar a nossa morte. Os cientistas já estão testando esta perigosa tecnologia, e se apenas um de tais experiências leva a um resultado do auto-replicante “grey goo” (lodo cinza), todo o nosso mundo seria inevitavelmente engolido pelas máquinas microscópicas de auto-replicantes. Em comparação, a GMs (geneticamente modificados) são relativamente inofensivos.

Se quisermos sobreviver, temos de forçar a “Ciência” de se limitar pelo Principio de Precaução! Pois sua ética e moral já esqueceram faz muito tempo!

Se quisermos superar esta ganância interminável, arrogância e ambição dos cientistas de hoje – cujo trabalho mais parece como manuseio de crianças pequenas com lança-chamas em vez de um comportamento de adultos maduros – então devemos forçar a ciência, a submeter-se ao Princípio da Precaução.

O princípio da precaução significa que temos de exigir em experimentos com a natureza de sempre agir no lado seguro e não olhar apenas os lucros. Em termos práticos, isto significa que jamais devemos deixar soltos programas genéticos de auto-replicação (OGM) no mundo e permitir que as sementes experimentais são dispersas pelo vento sobre o continente inteiro.

Nunca devemos construir Usinas Nucleares altamente radioativos onde a eletricidade é necessária para bombas do sistema emergencial para evitar um colapso nuclear. Tais sistemas devem ser concebidos de modo que elas são desligadas durante uma falha de energia, de modo que o núcleo do reator não entra em estado crítico.

Nós nunca devemos pulverizar produtos químicos sintéticos sobre culturas de terras e solos aráveis para matar insetos, se não sabemos o impacto de tais neurotoxinas ao longo prazo no ecossistema.

O princípio da precaução reconhece que a civilização humana é vulnerável e, que experiências que soam cientificas, podem reagir enlouquecido de uma maneira que não se pode prever nem com a mente mais brilhante e com as melhores intenções.

Tecnologia sem sabedoria é suicídio!

Continua.

Imagem: blogdofovest.folha.blog.uol.com.br

Anúncios
  1. Nenhum comentário ainda.
  1. No trackbacks yet.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: