Arquivo

Archive for agosto \08\UTC 2013

Sabe o que é “Suicídio Científico”? (4)

Tecnologia sem sabedoria é suicídio! Este assunto é muito serio!

2013-08-08A humanidade desenvolveu em nome da ciência tecnologias notáveis. Porém, como  espécie, em termos de sabedoria e maturidade, ela comporta-se ainda se estivesse na infância. Estamos pior do que crianças com lança-chamas – somos crianças com mísseis nucleares

Um cientista típico de topo, que trabalha para uma empresa ou um órgão do governo, é eticamente subdesenvolvido, sem sabedoria e perspectiva. Cientistas podem ser gênios na sua área absurdamente estreita de conhecimentos técnicos, mas eles não têm qualquer compreensão de quão importante é de colocar limitações no uso do esforço científico no mundo real. Neste exato momento, cientistas estão “jogando Deus com o Universo” no Large Hadron Collider (Grande Colisor de Hádrons), perto de Genebra.   Eles tentam encontrar algo que eles próprios ridiculamente chamam de novas “partículas”, embora essas partículas não são partículas.

Em sua busca pelo conhecimento científico estão jogando um jogo muito perigoso com  nosso mundo: eles se arriscam com pouca probabilidade, porém catastroficamente fatal, que sua experiência pode produzir um Buraco Negro, capaz de engolir nosso mundo.

Parece ficção científica? A maioria dos cientistas convencionais rejeita tais ideias como absurdo completo. Mas seus colegas também nos garantiram que a energia nuclear, transgênicos, agrotóxicos, flúor, mercúrio e muito substancias são absolutamente seguros. Se há uma coisa, que podemos notar no mundo de hoje como verdade, é que os cientistas superestimam de longe – e ingenuamente – a segurança das suas próprias experiências. E com frequência, lesões graves, mortes e destruição são a consequência para as pessoas inocentes ao redor deles.

Em outras palavras, os cientistas são um perigo para o nosso mundo. E eles devem ser imediatamente acorrentados antes que eles destruam as condições do nosso planeta e que tornam a vida humana impossível.

A História ensinou-nos que os cientistas hoje não são capaz de prever as consequências das suas ações ao longo prazo. Acontece que a natureza do universo é muito mais complexa do que os cientistas mais brilhantes são capaz de imaginar. E quando eles começam a “brincar de Deus” com o mundo natural, podem acontecer coisas inesperadas. O proverbial Murphy era um otimista. Porque as coisas não só vão mal, quando se podem dar errado – eles vão dar errado de tal forma desastrosa, que simplesmente não se pode prever.

A sexta extinção em massa no nosso planeta poderia ser causada pela própria “Ciência”.

Já houve cinco eventos de uma extinção em massa no planeta, sendo a última extinção em massa do Cretáceo-Terciário.

O sexto evento poderia ser acionado pela própria ciência, ou com um lançamento mundial da radiação radioativa, um incidente de contaminação de fuga genética do ambiente, um desastre de nanotecnologia, a ascensão ao poder de uma inteligência artificial, ou algo ainda pior, que não podemos prever. Nós já estamos à beira de contaminação por Fukushima – uma situação precária, da qual depende “o destino do nosso mundo.” Quantas vezes a nossa própria sobrevivência já estava ameaçada em nome da ciência?

Se continua a atitude Wild West (Faroeste) de “tudo é possível” na ciência, como ela é praticada hoje, e não será controlado pelo princípio de autopreservação,  continua também o risco que a humanidade se torna vítima sem querer de uma ciência bem intencionada, mas descontrolada.

Então, vamos nos tornar agora ativo e parar a ciência, que nos todos põem em risco de vida, para nos afastar do precipício de suicídio científica.

Estas são os dez “projetos científicos” que mais ameaçam a sobrevivência da humanidade hoje:

1. Energia Nuclear (especialmente Fukushima)
2. GVO (auto-replicante contaminação genética do ambiente)
3. Nanotecnologia (auto-replicantes máquinas microscópicas)
4. Armas Biológicas (auto-replicantes armas microscópicas)
5. Experiências na atmosfera (HAARP e outros pulverizados em altitudes elevadas)
6. Inteligência Artificial (AI, juntamente com hardware assassino Drones)
7. Experimentos físicas com aceleradores de partículas (o Large Hadron Collider)
8. Químicas para destruir os polinizadores (pesticidas sintéticos que matam as abelhas)
9. Armas Nucleares
10. Vacinas convertidas em armas (vírus vivos para vacinar pessoas)

Imagem: apocalink.com.br

Anúncios
Categorias:Consciencia, Perigos Tags:, , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , ,

Sabe o que é “Suicídio Científico”? (3)

A Ciência está nos matando, se você está acreditando ou não!

Como espécie estamos cometendo suicídio, pois permitimos que a ciência domina a nossa medicina, agricultura, alimentação e indústrias de defesa. Na medida em que permitimos que os cientistas usam o mundo para suas experiências perigosas sem os testes adequados – as vacinas da gripe, por exemplo, nunca foram cientificamente testadas a respeito da segurança ao longo prazo – estamos apenas cavando mais rapidamente a nossa própria sepultura! Precisamos aprender a acorrentar as cegas ambições de cientistas arrogantes que querem “brincar de Deus”. Caso contrário, os objetivos irresponsáveis da “Ciência sem Sabedoria” necessária vão levar-nos a nossa própria morte.

2013-08-07Em seguida, podemos esperar que em nome da ciência surgem Robô-Drones – um novo tipo de máquinas-terminadoras (Drones Al não tripuladas), que podem sem pensar lançar bombas sobre uma população civil, ou atirar neles. Tais Drones são desenvolvidos, naturalmente, em nome da “ciência” ou da “paz”, com todas suas estranhas fantasias egocêntricas dos inventores, que apesar dos seus intelectos superiores, nunca conseguiram estudar a história da humanidade.

E se não somos atingidos pelos Drones, então a nanotecnologia pode significar a nossa morte. Os cientistas já estão testando esta perigosa tecnologia, e se apenas um de tais experiências leva a um resultado do auto-replicante “grey goo” (lodo cinza), todo o nosso mundo seria inevitavelmente engolido pelas máquinas microscópicas de auto-replicantes. Em comparação, a GMs (geneticamente modificados) são relativamente inofensivos.

Se quisermos sobreviver, temos de forçar a “Ciência” de se limitar pelo Principio de Precaução! Pois sua ética e moral já esqueceram faz muito tempo!

Se quisermos superar esta ganância interminável, arrogância e ambição dos cientistas de hoje – cujo trabalho mais parece como manuseio de crianças pequenas com lança-chamas em vez de um comportamento de adultos maduros – então devemos forçar a ciência, a submeter-se ao Princípio da Precaução.

O princípio da precaução significa que temos de exigir em experimentos com a natureza de sempre agir no lado seguro e não olhar apenas os lucros. Em termos práticos, isto significa que jamais devemos deixar soltos programas genéticos de auto-replicação (OGM) no mundo e permitir que as sementes experimentais são dispersas pelo vento sobre o continente inteiro.

Nunca devemos construir Usinas Nucleares altamente radioativos onde a eletricidade é necessária para bombas do sistema emergencial para evitar um colapso nuclear. Tais sistemas devem ser concebidos de modo que elas são desligadas durante uma falha de energia, de modo que o núcleo do reator não entra em estado crítico.

Nós nunca devemos pulverizar produtos químicos sintéticos sobre culturas de terras e solos aráveis para matar insetos, se não sabemos o impacto de tais neurotoxinas ao longo prazo no ecossistema.

O princípio da precaução reconhece que a civilização humana é vulnerável e, que experiências que soam cientificas, podem reagir enlouquecido de uma maneira que não se pode prever nem com a mente mais brilhante e com as melhores intenções.

Tecnologia sem sabedoria é suicídio!

Continua.

Imagem: blogdofovest.folha.blog.uol.com.br

Sabe o que é “Suicídio Científico”? (2)

Além do já dito anterior, há uma outra constatação mais profunda: a maioria destes chamadas “Ciências” são apenas Ciências Fraudulentas de charlatões, distorcidas por corporações gananciosas.

A verdadeira ciência é a busca do conhecimento, não a busca apenas do lucro!

2013-08-06Mas hoje em dia é difícil de encontrar ciência verdadeira. A maioria do que acontece é a ciência em nome das empresas com o único objetivo de alcançar o poder para dominar mercados e maximizar lucros.

Na medicina, por exemplo, não se trata de buscar novas drogas para ajudar as pessoas, mas principalmente para aumentar o seu lucro trimestral. Mas isso você já sabia. Apenas os mais ingênuos ainda acreditam que a “Big Pharma” se interessa honestamente pelo bem dos doentes e curar doenças.

No mundo dos OGM (Organismos Geneticamente Modificados) não importa “alimentar o mundo”, como é ridiculamente alegado pelos corruptos e criminosos defensores. Pelo contrário, eles querem “possuir o mundo” e utilizam alimentos como armas contra os povos do mundo. Quem governa o abastecimento de alimentos, em última análise domina tudo e todos. A Monsanto está absolutamente determinado a dominar o mundo, …não para alimentá-lo.

Também as vacinas não são desenvolvidos para prevenir doenças e melhorar a saúde em geral. Melhorias sanitárias e suplementos de vitamina D por preços bem mais baratas poderiam evitar facilmente doenças infecciosas. Vacinas somente servem para duas coisas: 1. Controle da população e 2. para negócios posteriores da indústria farmacêutica, especialmente para combater os efeitos adversos da vacinação anterior. (Vacinas causam danos, entre outros órgãos, principalmente fígado, rim, cérebro e intestinos).

Pergunta: Porque uma vacina tem que conter Mercúrio, que só pode fazer mal ao organismo humano?

A “ciência praticada” hoje, é uma ciência de dominação e controle. Ela quase nunca é utilizado para fins humanitários, quer dizer para ajudar os seres humanos. Mesmo todo o sistema de “propriedade” intelectual de patentes e marcas é usado para colocar os monopólios corporativos acima da inovação. Assim, o acesso a essas inovações é negado ao público em geral. Leis de propriedade intelectual foram distorcidas e exploradas pelas grandes corporações para sequestrar o processo de inovação e eliminar a concorrência. Em última análise, todas as empresas querem um monopólio mundial sobre o seu setor de indústria.

Universidades, onde antigamente a pesquisa real em pro da humanidade era valorizada, hoje recebem e se aproveitaram do dinheiro do contribuinte, para desenvolver produtos químicos patenteáveis, que são licenciadas pelas empresas farmacêuticas (ou fabricantes de pesticidas). Em troca, as universidades recebem doações que as tornam mais ricas.

Como resultado dessas tendências, a “ciência” é hoje sinônimo de corrupção, desonestidade, ganância e morte. “Cientistas” – pessoas que praticam tal ciência – são Engenheiros da Morte; suas inovações até podem trazer a curto prazo benefícios, mas muitas vezes – a longo prazo – levam a morte e destruição. Por exemplo, a herbicida “Roundup” destrói o solo e promove o desenvolvimento de “super ervas daninhas”, resistente a pesticidas. No campo da biologia humana vemos esse resultado – morte e destruição – no abuso generalizado de antibióticos e o aumento alarmante em “Bactérias Multi-Resistentes”, MRSA, e outros “Super-Germes”.

Tais inovações “científicos” – é claro – foram desenvolvidas por pessoas bem-intencionadas que não tinham a intenção de produzir perdas de colheitas frequentes e infecções por estafilococos resistentes a antibióticos. Mas, porque eles fizeram exatamente isso, eles tornaram-se com boas intenções especialistas daquilo que o diabo gosta.

A ciência está nos matando.

Continua.

Imagem: horoscopoblog.com.br

Novidades sobre Câncer (3)

Mais algumas informações importantes do Hospital John Hopkins dos EUA que você deve conhecer.

A substancia química DIOXINA causa câncer, especialmente câncer do seio.

As DIOXINAS são altamente venenosas para as células do nosso corpo.

2013-08-05Não congele garrafas plásticas com água, nem expõem as ao Sol, pois isso libera Dioxinas do plástico.

Também não devemos aquecer nossos alimentos no microondas, usando vasilhas de plástico, porque também libera DIOXINAS, alem de que microondas destroem uma boa parte nutritiva e saudável dos alimentos.

Isso se aplica especialmente para alimentos com gordura, porque a combinação de gordura, alta temperatura e plásticos libera muitas DIOXINAS para os alimentos e finalmente para dentro das células do corpo.

Em lugar disso deve usar vasilhas de vidro ou cerâmica. Qualquer outro material pode conter substancias perigosas.

Com estas precauções você tem boas chances de não desenvolver câncer, mas tem mais uma recomendação: tomar regularmente banhos de Sol e sempre antes das 10 horas e depois das 16 horas. Nestes horários você não precisa aplicar protetores de Sol que contem substancias químicas quais também podem provocar câncer de pele.

O sol tem uma capacidade fantástica, de sintetizar a vitamina D dentro do corpo que reforça as autodefesas contra câncer.

Favor espalha estas informações entre os membros da sua família e seus amigos. Ser consciente é um dos objetivos da Astrologia Kármica de Reencarnação.

O que você sabe da Vacina H1N1?

8 Razões porque você não deveria tomar a vacina H1N1!

2013-08-041- A vacina H1N1 contém mercúrio – a segunda substância mais perigosa do planeta depois do urânio! O veneno de uma cascavel é menos perigoso do que o mercúrio! O mercúrio em outras vacinas está ligado à epidemia de autismo entre crianças!

2- Ela contém esqualeno, uma substância que, quando injetada no corpo, pode fazer o sistema imunológico humano voltar-se contra si mesmo!

3- Ela contém células de câncer de animal que pode provocar câncer nas pessoas!

4- Até o governo federal, a nossa famosa “Presidenta”, não está confiante quanto à segurança da vacina H1N1, é por isso que foi dada às indústrias farmacêuticas imunidade contra ações judiciais. Isto significa que, se seu filho ou esposa ficar inválido ou morrer por causa da vacina H1N1, você não poderá processar a indústria farmacêutica que fez a vacina!!!

5- A entrada no mercado da vacina foi acelerada, o que significa que todos os efeitos colaterais a médio e longo-prazo não são conhecidos!

6- Em 1976 o Instituto Médico afirmou que havia uma situação crítica relativa à gripe suína, quando de fato somente 5 pessoas em todo o país adoeceram com ela. A situação crítica foi uma FRAUDE na época tal como é uma fraude agora. As pessoas começaram a morrer ou ficarem inválidas após tomarem a vacina contra a gripe suína!

7- As estatísticas e os fatos estão sendo manipulados para provocar pânico! O número de pessoas que supostamente estão com o H1N1 são somente estimativas, não números reais. Os testes usados para o H1N1 NÃO são aprovados pela FDA (Agência de Drogas e Alimentos dos EUA), e esses testes NÃO são confiáveis! Os poucos que supostamente morreram por causa do H1N1 também estavam com pneumonia ou outras doenças, entretanto, o Instituto Médico quer que você acredite que o H1N1 foi a única causa dessas mortes.

8- De acordo com as declarações dos Centros de Controle de Doenças, Agência de Drogas e Alimentos e da Organização Mundial da Saúde (OMS), o H1N1 é uma doença moderada da qual muitas pessoas se recuperam em uma semana sem medicação!

Eu mesmo como exemplo: Desde que não tomo mais vacinas contra gripe nos últimos 7, 8, NUNCA MAIS TIVE NEHUMA GRIPE!!!

Espalhe a Informação!

Faça pelo menos dez cópias deste informativo e distribua entre Familiares e Amigos!!!
Assista a videoclipes gratuitamente sobre o Logro do H1N1 em:

www.vaccinesaredangerous.com

Um clipe mostra uma mulher que já ficou permanentemente inválida por causa da vacina.

Também ler: “As Vacinas São Perigosas – Uma Advertência Para a Comunidade Global” por Curtis Cost. É o primeiro e único livro que expõe o Logro da Gripe Suína H1N1!

Imagem: prigermano.blogspot.com

www.vaccinesaredangerous.com

Sabe o que é “Suicídio Científico”? (1)

O que vai acontecer com a humanidade mais sedo o mais tarde?

Esta questão séria está sendo investigado por Mike Adams, também chamado de “Health Ranger”, algo como guarda-saúde. Ele está muito preocupado que a humanidade pode ser aniquilada em nome da Ciência.

2013-08-03Por esta razão ele apela: “Se queremos garantir nossa sobrevivência, então nós devemos primeiro impedir esses “cientistas” de destruir o nosso mundo e a nossa civilização.

Atualmente, todo o hemisfério norte está diretamente ameaçada por maciças radiações mortais do reator avariado No. 4 em Fukushima (O reator n º 4 de Fukushima corre o risco de um colapso catastrófico, 85 vezes maior liberação de césio-137 que em Chernobyl, a civilização humana está em perigo).

-Nosso mundo está atualmente de apenas um terremoto distante de um apocalipse nuclear – por culpa dos cientistas que afirmavam sempre que a energia nuclear é segura e barata.

E enquanto nós estamos vivendo sob a ameaça direta de serem dizimados pelo radioativo césio-137, cientistas genéticas estão colocando em risco o futuro do nosso mundo através de uma poluição genética auto-replicante. Eles trabalham para a Monsanto, Dupont, Bayer e outras empresas de biotecnologia, que por ganancia, arriscam a futura vida na Terra.

Bill Gates e todos os outros que fizeram campanha para os OGM (Organismos Geneticamente Modificados) e que admitiram que eles foram liberados em nosso mundo, são culpados de crimes contra a humanidade e a natureza. Eles são uma ameaça para a vida futura nesta na Terra e devem ser parados.

No campo da biologia humana, nossa própria existência está ameaçada por vacinas tóxicas. Estas vacinas, para quais se faz propaganda em nome da “ciência”, levam a danos neurológicos graves e infertilidade generalizada, para que os membros da espécie humana não se podem mais reproduzir.

E quanto ao nosso abastecimento global de alimentos: a morte de abelhas por culpa do uso generalizado de pesticidas químicos, produzidas por empresas farmacêuticas. Claro, que estes pesticidas ocorre em nome da “ciência louvada”. “Uma vida melhor através da química”, você se lembra?

-E realmente, se considerar seriamente o que está agora ameaçando a nossa civilização e o nosso planeta – tudo se faz sempre em nome da ciência!

-Morte através da Ciência

-Pesticidas tóxicas que poluem rios e solo? “Ciência!”

-Medicamentos tóxicos que matam as pessoas e poluem a água? “Científico!”

-O envenenamento em massa da população a partir de compostos tóxicos de produtos de resíduos industriais, chamados de “Flúor”? Tudo para a “Ciência!”

Bombas atômicas, que já dizimaram muitos civis? “Ciência!”

Mamografias e outros procedimentos de imagens médicas que na realidade produzem câncer? “Cientificamente!”

-Quimioterapias toxicas, Mastectomias “profiláticas”, a Radioterapias contra câncer? Claro, tudo “científico”.

Envenenamento em massa de crianças – e adultos também – por restaurações dentários com amálgama de mercúrio? Eles chamam isso de “Odontologia científica!”

-O adoçantes Aspartame em refrigerantes e alimentos? “Doce veneno científico!”

Existem inúmeros outros atrocidades, mas tudo isso mostra bem claro: Em nome da Ciência a humanidade será extinta!

Imagem: Kopp-Verlag

Fonte: Mike Adams

Novidades sobre Câncer (2)

A cura do câncer antes que ele surja no corpo. Informações importantes do Hospital John Hopkins dos EUA.

A solução eficaz de combater o câncer é fazer as células cancerosas passarem fome, não lhes dando os alimentos de que necessitam para se multiplicar.

As células cancerosas se alimentam de:

O açúcar é um alimentador de câncer. Ao eliminar o açúcar é cortada uma importante fonte de alimentação para as células do câncer.

Substitutivos de açúcar qu2013-08-02-1e contem aspartame devem ser evitados, pois são prejudiciais. Melhor seria mel e melado, mas somente em pequenas quantidades. Sal de mesa tem uma substancia química adicionada para lhe dar a cor branca. Melhor é sal marinho.

O leite faz o corpo produzir muco, especialmente no trato gastrointestinal. O câncer se alimenta de muco. Cortar o leite e substituí-lo por leite de soja sem açúcar faz com que as células do câncer morrem de fome. (Mas use também em quantidades reduzidas, pois soja, na sua maioria, já é contaminado por manipulações genéticas!)

As células de câncer prosperam em ambientes ácidos. Uma dieta a base de carne é acida e é melhor comer peixe e galeto em vez de carne de vaca ou de porco. Carne bovina também contem antibióticos, hormônios de crescimento e parasitas, que são prejudiciais, especialmente para pessoas já com câncer.

Uma dieta com 80% de vegetais frescos e sucos, grãos integrais, sementes, nozes e um pouco de frutas ajuda a colocar o corpo num ambiente alcalino. Cerca de 20% podem ser de alimentos cozidos inclusive feijões. Sucos de vegetais frescos proporcionam enzimas vivas que são facilmente absorvidas e descem ate o nível celular dentro de 15 minutos para nutrir e estimular o crescimento das células sadias. Para obter enzimas vivas para formar células sadias, experimente e beba sucos vegetais frescos (a maioria dos vegetais inclusive brotos de feijão) e coma alguns vegetais crus 2 ou 3 vezes ao dia. As enzimas são destruídas a temperatura de 40° C.

Evite café, chá e chocolate, que contem muita cafeína. Quanto á água – é melhor tomar água purificada, ou filtrada, para evitar toxinas conhecidas e metais pesados da água de torneira. Água destilada é acida, evite-a.

A proteína da carne é difícil digestão e exige um monte de enzimas digestivas. Carne não digerida ao permanecer no intestino apodrece e conduz a um aumento das toxinas.

As paredes das células cancerosas tem uma cobertura de proteína dura. Evitar ou comer menos carne libera mais enzimas para atacar as paredes de proteínas das células cancerosas e possibilita que as células matadoras do corpo destruam as células cancerosas.

Alguns suplementos constroem o sistema imunológico (IP6, Flor-ssence, Essiac, antioxidante, vitaminas, mineral EFAs etc.) para possibilitar que as células matadores do próprio corpo destroem as células cancerosas. Outros suplementos, como a vitamina E, são conhecidos por acarretar apoptose, ou seja morte programada de células, método normal do corpo de desfazer-se de células danificadas, indesejadas ou desnecessárias.

O câncer é uma doença da mente, do corpo e do espírito. Um espírito preventivo e positivo ajudara ao guerreiro do câncer a ser um sobrevivente. A ira, o não perdoar e a amargura colocam o corpo num ambiente de tensão e acidez. Aprenda a ter um espírito amoroso e de perdão. Aprenda a relaxar e desfruta da vida. 

As células cancerosas não prosperam em um ambiente oxigenado. Exercícios diários e respiração profunda ajudam a proporcionar mais oxigênio para o nível celular. A terapia com oxigênio é outro meio empregado para destruir células cancerosas.

Lembra-se: que mais você sofra, que mais a indústria farmacêutica ganha com você!

%d blogueiros gostam disto: