Arquivo

Archive for setembro \26\UTC 2013

Médicos podem ser perigosos…

setembro 26, 2013 Deixe um comentário

…para sua saúde!

Dois novos estudos alertam e fornecem argumentos críticos, porque a medicina vigente pode pôr em perigo a sua saúde e até mesmo ameaçar a sua vida.

2013-09-26Para deixar bem claro: eu conheço muitos médicos bons e corretos e muitos médicos são meus amigos. Não pretendo fazer guerra contra médicos bem intencionados ou contra a medicina em geral, mas estão acontecendo escândalos sobre quais ninguém fala, nem as associações medicas, nem os governantes, e ainda menos a imprensa oficial e “politicamente correta”. Ate hoje, os meus amigos médicos sempre elogiaram minhas criticas, porque recebem informações que ninguém mais informa.

Pergunta 1: Você acha que os médicos de hoje em dia aprendem nas faculdades a necessidade – e os perigos em potencial – de ver cada medicamento, que eles prescrevem, com certa desconfiança critica?

Pergunta 2: Cirurgiões apenas operam quando estão em condições físicas e mentais, para não pôr os pacientes em perigo?

Os dois novos estudos comprovam que não é bem assim, pelo contrário, eles encontram razões de dizer que a medicina e vigor pode realmente pôr em perigo sua saúde e até sua vida.

Quintessência: Estudantes de medicina aprendem conforme um currículo secreto – e aceito pelas faculdades – desenvolvido pelo Big Pharma (as grandes indústrias farmacêuticas) para promover seus produtos. O objetivo principal é de ensinar aos estudantes de combater os efeitos da doença e não em primeiro lugar a causa. Deste jeito pode esticar o “estar doente” e ganhar muito mais dinheiro.

Simultaneamente, inúmeros cirurgiões operam, independentemente se prejudicam seus pacientes ou não, pela fadiga e insônia, que pode reduzir consideravelmente seu desempenho.

Os fatos: Nos Estados Unidos os estudantes de medicina são inundadas com drogas-friendly propaganda de empresas farmacêuticas. Em toda sua educação, os alunos estão exposta a esta propaganda, mesmo que eles ainda não tem experiências clínicas no tratamento de pacientes.

Pesquisas realizadas sob direção de Kirsten Austad e Aaron S. Kesselheim da Faculdade de Medicina da Universidade Harvard e publicado recentemente na revista PLoS médica Internet, mostraram que as grandes multinacionais farmacêuticas desenvolveram eficientemente um currículo secreto para influenciar os futuros médicos de aprovar e preferivelmente receitar terapias e produtos destas empresas.

Contatos maciços e indutivos com as industrias farmacêuticas são acompanhados por médicos que preparam o campo com pareceres positivos. O resultado é que os estudantes não podem formar uma visão própria e critica a respeito de produtos potencialmente prejudiciais.

O grupo de pesquisa de Harvard estuda todos os assuntos deste tema e coleciona os resultados de perguntas feitas a 9.850 estudante de medicina. Os resultados mostram que a maioria já tinha contatos com a indústria farmacêutica, reforçando estes contatos no decorrer dos estudos. Além disso, 90% dos estudantes recebeu material de estudo das empresas e achava isso positivo e “cool”.

Eles justificaram os presentes de propaganda com os argumentos, que se sentirem forçados por uma situação financeira difícil. Além disso, não sentirem um dilema ético, porque os outros estudantes também receberam estes presentes.

Dois terços dos estudantes admitiu que receberam também outros tipos de presentes, mas mesmo assim “mantiveram” sua imparcialidade.

Acredite se quiser.

Continua.

Anúncios

Dez Fatos Terríveis… (3)

setembro 25, 2013 Deixe um comentário

…estão acontecendo no mundo inteiro e também aqui no Brasil, mas especialmente nos EUA:

8. Fato:

2013-09-25A Suprema Corte dos EUA já declarou o “Tribunal Segredo de Vacina” para uma autoridade superior à própria Suprema Corte. Este “tribunal” é autorizado de agir fora da Constituição, fora da Declaração de Direitos (Bill of Rights) e fora das leis para um julgamento justo. O próprio “tribunal” – que não é nem um tribunal de verdade – é uma violação da lei e uma violação dos direitos humanos e deve ser abolida como a apartheid.

9. Fato:

A grande mídia “Mainstream” (principalmente TV, Jornais e revistas) sempre terá uma enorme parcela da sua receita das empresas farmacêuticas que vendem vacinas. Essa influência financeira significa que os meios de comunicação se recusam a publicar artigos sobre crianças danificadas por vacinas, porque temem por sua receita publicitária.

Por essa razão, os meios de comunicação muitas vezes apresentam convidados e escritores para produzir afirmações ridículas de que todas estas crianças danificadas por vacinas na América não existem e apenas são “imaginação” de seus pais. Estes apoiantes de vacinas muito bem pagos são tiranos e valentões intelectuais, que estão envolvidos em uma campanha devastadora,  sem se importar pelo sofrimento das milhões de crianças ao redor do mundo.

10. Fato:

A CDC, a Autoridade de Saúde dos EUA, admite abertamente, que todas as vacinas contem substâncias adicionais fortemente neurotóxicos como:

-Mercúrio, usado para melhor conservação,

-Alumínio, aditivo anti-inflamatório,

Formaldeído, para “desativar” vírus vivos,

-MSG=glutamato monossódico, para melhorar a resposta  imunitária,

Todas estas substâncias são tóxicas para o organismo humano, quando injetadas! E todos ainda estão listados no site do CDC como aditivos. Nenhum médico ou cientista racional no mundo pode dizer que ele acreditava que era “seguro”, injetar mercúrio, formaldeído, MSG ou alumínio num bebê ou criança! E mesmo assim, os médicos injetam a cada dia as crianças essas substâncias na forma de vacinas!!!

Médicos que injetam vacinas em crianças, cometem fraudes e crimes. Eles praticam um genocídio médica contra a humanidade, o que eles chamam de “imunização”. Para esclarecer: A vacinação não é o mesmo que imunizar.

Você ainda tem coragem de vacinar suas crianças?

Imagem: www.cosemsmg.org.br 

Fontes: Mike Adams

DissolvingIllusions.com/

SV40Foundation.org/

CDC.gov

NaturalNews.com

NaturalNews.com

NaturalNews.com

NaturalNews.com

Dez Fatos Terríveis… (2)

setembro 24, 2013 Deixe um comentário

mas verdadeiros, sobre vacinas que as Autoridades de Saúde e a Indústria de Vacinas querem manter em segredos. Está na hora que você deixe sua dependência dos médicos, dos remédios e da Big-Farma para trás e recupera seu bom senso para encontrar outros meios de cura que não sejam tóxicos e enganosos.

2013-09-244. Fato:

Top virologistas, que trabalhavam para a Merck, procuraram o público com revelações chocantes,  informando que a empresa muitas vezes inventou resultados laboratoriais, a fim de manter uma eficácia de 95 por cento da sua vacina contra caxumba e, assim, ganhar contratos por parte das autoridades de um medicamento completamente ineficaz, fato que foi denunciado ao “False Claims Act” do governo dos EUA. 

5. Fato:

Em quase todos o surto de uma doença infantil do qual você ouve hoje em dia, a maioria das crianças afetadas tinha sido vacinada contra o vírus! Por exemplo, a cada surto de coqueluche, também são crianças afetadas que foram vacinadas contra a tosse convulsa. Esta é mais uma prova de que vacinas não causam imunidade.

6. Fato:

Os supostos “sucessos” da vacina contra a poliomielite e outras doenças são pura invenção. Isto foi escrito num novo livro emocionante Dissolving Illusions da Dr. Suzanne Humphries.

7. Fato:

A indústria de vacinas recusa-se a realizar estudos científicos sobre o estado de saúde de crianças vacinadas em comparação com crianças não vacinadas. Por quê? Porque estes testes mostrariam sem qualquer dúvida que as crianças não vacinadas são mais saudáveis, inteligentes e num estado muito melhor do que as vacinadas, especialmente em termos de distúrbios de comportamento, alergias e até doenças autoimunes. Pense nas pessoas que você conhece: você não acha que a maioria das crianças vacinadas estão doentes o tempo todo? Em grupos populacionais, tais como os Amish, que em grande parte se recusam a vacinar os seus filhos, no entanto, praticamente não há casos de autismo.

Continua.

Fontes: Kopp Verlag, Mike Adams

DissolvingIllusions.com/

SV40Foundation.org/

CDC.gov

NaturalNews.com

NaturalNews.com

NaturalNews.com

NaturalNews.com

Dez Fatos Terríveis… (1)

setembro 23, 2013 Deixe um comentário

mas verdadeiros, sobre vacinas que as Autoridades de Saúde e a Indústria de Vacinas querem manter em segredos.

2013-09-23-1Seja preparado para levar um choque! Você vai conhecer 10 horríveis fatos que você nunca deveria saber, se fosse conforme as Autoridades Americanas de Saúde – e evidentemente das nossas no Brasil também – e da Mafia da Industria Internacional de Vacinas.

1. Fato:

Sim, Mercúrio ainda é usado em vacinas e até a CDC, a Autoridade de Saúde dos EUA confirma isso. Isso é muito perigoso, pois não há limites de risco para uma criança, quando o menor vestígio já é demais. Com Mercúrio não há segurança, independente da dosagem. O medico que diz, que o Mercúrio na vacina é seguro, para injetar numa criança, mostra sua incrível ignorância dos fatos científicos!

Mercúrio é, provavelmente, o elemento neurotóxico mais forte e perigoso de toda a tabele periódica. Ele é utilizado em vacinas, pois é conveniente para os fabricantes, em detrimento da segurança da criança. Qualquer médico que injeta uma criança Mercúrio – em qualquer dose deve ser imediatamente revogada a sua licença.

Fatos adicionais: Não há forma “segura” de Mercúrio, como os traficantes de vacinas dizem. Ambos, etil-mercúrio como também metil-mercúrio é extremamente tóxico para o sistema nervoso humano. Nenhum dos dois nunca deve ser deliberadamente injetado em uma criança, não importa a dosagem.

2. Fato:

2013-09-23-2Uma substância, que é injetado no corpo humano, se torna potencialmente muito mais tóxica, porque os mecanismos de defesa do aparelho digestivo e do sistema respiratório são contornados. Injetar Mercúrio num ser humano – seja em qualquer dose – deveria ser punido como crime no mundo inteiro. Que agora seja um método aceitável na medicina, prova ainda mais a natureza destrutiva da medicina moderna. A doutrina básica da vacina e do princípio de “Em primeiro lugar: Não machuque!” se tornou um princípio perverso de “Para o bem de lucro, crianças podem ser envenenadas!”

3. Fato:

Durante décadas, vacinas contra a poliomielite, contendo vírus ocultos de câncer (SV40 e outros), foram injetados em milhões e milhões de pessoas. Isso foi admitido abertamente por um cientista, líder para as vacinas da Merck, chamado Hilleman. O CDC removeu só recentemente esta informação de seu website em uma varredura do seu ” histórico de revisionismo “. Até 98 milhões de norte-americanos foram expostos a vírus de câncer escondidos em vacinas contra a poliomielite. Este é um fato histórico.

Veja os videos: (versteckte Krebsviren),

(haben diese Information erst vor Kurzem in einer Säuberungsaktion »revisionistischer Geschichte«)

Continua.

Fontes: Kopp Verlag, Mike Adams

DissolvingIllusions.com/

SV40Foundation.org/

CDC.gov

NaturalNews.com

NaturalNews.com

NaturalNews.com

NaturalNews.com

Categorias:Perigos, Vacinas

Quimioterapia de Câncer de Mama

setembro 22, 2013 Deixe um comentário

O que você tem que saber: Quimioterapia de Mama danifica o cérebro!

Normalmente, não se suspeita que câncer de peito primário – tumor maligno ainda sem ter se espalhado – causa problemas neurológicos. E como pode acontecer isso, se o câncer ainda não alcançou o cérebro? No entanto, os cientistas estão tentando descobrir,  porque nos últimos anos o numero de mulheres com câncer de peito aumentou e que correm risco maior de não apenas ter problemas com sua função do cérebros, mais pior, alterações reais na estrutura do cérebro.

2013-09-22Segundo a ultima edição de Novembro da revista “Archives of Neurology”, o provável causador nem é o próprio câncer, mas o tratamento de câncer de peito com a quimioterapia, resultando em consideráveis deficiências, como foi observado em pacientes deste tipo de câncer.

Dr. Shelli R. Kesler e colegas da Standard University of Medicine in California pesquisaram num estudo empírico, se o padrão das atividades cerebrais das sobreviventes de câncer de peito, que sofreram de quimioterapia, difere com aquelas mulheres que não foram tratadas com quimioterapia.

Além disso, os pesquisadores compararam as atividades cerebrais destas sobreviventes de câncer de mama com mulheres saudáveis, que não estavam com câncer.

Em total, foram 25 mulheres com câncer de peito, tratadas com quimioterapia, 19 mulheres com câncer de peito sem quimioterapia e mais 19 mulheres saudáveis como grupo de controle. A respeito de idade e outros variáveis, todas as mulheres eram comparáveis. Enquanto as mulheres resolveram vários testes e tarefas, os pesquisadores documentaram com ressonância magnética as atividades de varias áreas do cérebro.

As mulheres com câncer de mama mostraram, em comparação com o grupe de controle das mulheres saudáveis, uma considerável limitação do córtex pré-frontal dorso lateral e córtex pré-morto.

O grupo das mulheres tratadas com quimioterapia mostra, além dos resultados do grupo anterior, ainda uma considerável deficiência de atividade do córtex pré-frontal caudal lateral esquerdo e um numero maior de erros repetitivos e velocidade reduzida.

 

Isso quer dizer o que? Os pesquisadores chegaram à conclusão de que câncer primário de peito pode levar a danos cerebrais, mas que a função do cérebro pode ser muito mais prejudicada com quimioterapia, especialmente de mulheres mais velhas e de baixo grau de educação.

Mulheres tratadas com quimioterapias podem sofrer adicionalmente de déficits pré-frontais e elas tem maiores dificuldades de equilibrar alterações neurobiológicas, como por exemplo, falhas de funções executivas.

Esta ultima deficiência é especialmente preocupante, pois faz parte fundamental da função normal do cérebro. A função executiva inclui uma memória de trabalho e de recuperabilidade (a habilidade de considerar fatos na solução de problemas e considerar fatos armazenados na memória de longo prazo); atenção e a capacidade, levar tarefas a sua conclusão; controle emocional como pensar antes de falar e de agir, auto-fala para controle comportamental, bem como a resolução de problemas complexos, incluindo a análise e desenvolvimento de novas ideias.

 Imagem: bacabeiraemfoco.blogspot.com

Fontes:

S. L. Baker

Archneur.ama-assn.org

Pubs.ama-assn.org

NaturalNews

Vacinas Contêm Vírus de Câncer… (2)

setembro 16, 2013 Deixe um comentário

…de macacos doentes, admite pesquisador e desenvolvedor da Big-Pharma Merck!!!

Continuação do áudio do post anterior como prova da veracidade dos fatos:

“… então, nós pegamos os macacos verdes e não sabíamos, que importamos o vírus da Aids”, disse Dr. Maurice Hilleman, chefe da divisão de vacinas do grupo farmacêutico Merck!!!

(Qual foi a reação dos seus colegas diante este fato terrível?)

2013-09-16

Diferentes vozes ao fundo: … (risada alta) “… Vocês trouxeram o vírus da Aids no país. Ora, agora nós sabemos!” (Risos de novo) “É isso aí!” (Risos mais uma vez) “O que a Merck não está tudo fazendo para desenvolver uma vacina!” (Risos)

Dr. Maurice Hilleman: “Ele fez isso, quero dizer, Nós trouxemos esses macacos aqui, eu só tinha isso e aquilo e era a solução, porque esses macacos estavam livres desses vírus selvagens, mas nós …”

Dr. Edward Shorter: “Espere aí, porque os macacos verdes não tinham os vírus selvagens, se eles vieram da África?”

Dr. Maurice Hilleman: “… porque eles não, … eles não estavam infectados com este grupe de 40 vírus diferentes …”

Dr. Edward Shorter: “… mas eles tinham aqueles que trouxeram da selva …”

Dr. Maurice Hilleman: “… sim, eles tinham estes, mas eram relativamente poucos, o que você faz, quando eles trazem uma banda em um espaço pequeno, então eles têm uma epidemia de transmissão de infecção. Pois bem, os macacos verdes chegaram e agora tivemos eles e limpamos nosso campo e depois eu descobri realmente novos vírus. Minha reação foi: Meu Deus! Bem, então fui convidado pela Fundação SisterKenny, a Fundação concorrente, quando o vírus vivo …”

Dr. Edward Shorter: “Ah, certo …”

Dr. Maurice Hilleman: “Sim, eles estavam na pista da Sabin e me convidaram para dar uma palestra em uma conferência da Fundação Sister-Kenny. Eu vi lá que é uma conferência internacional, e sobre que devia falar? Eu sei o que eu vou fazer, eu vou falar sobre a detecção de vírus indetectáveis.”

Dr. Albert Sabin: “… estavam lá os adversários da vacina viva … (incompreensivel) … eles sempre fizeram tudo para utilizar a vacina inativada em mais e mais pessoas, enquanto eles me apoiaram na pesquisa sobre a vacina viva.”

Dr. Maurice Hilleman: “Agora eu tenho que contar uma coisa (risada), que irá atrair sua atenção. Meu Deus, eu pensei, esse maldito SV40, quer dizer, a maldita coisa lá, eu vou fazer me concentrar, o vírus tem que estar nas vacinas Sabin, por isso fiz um pequeno teste (risada) e, de fato, estava lá.”

Dr. Edward Shorter: “Meu Deus.”

Dr. Maurice Hilleman: …” e agora …”

Dr. Edward Shorter: … “Agora, você tira da Merck o estoque de vacinas Sabin das prateleiras …”

Dr. Maurice Hilleman: “… sim, ela foi produzida na Merck …”

Dr. Edward Shorter: “Você a produziu naquela época para Sabin?” 

Dr. Maurice Hilleman: “… bem, ela foi feita antes do meu tempo …”

Dr. Edward Shorter: “Sim, mas agora Sabin faz ainda muitos testes de campo …”

Dr. Maurice Hilleman: “… é …”

Dr. Edward Shorter: “Okay …”

 Dr. Maurice Hilleman: “… na Rússia e assim. Então eu fui e falou sobre a evidência de vírus não detectáveis ​​e disse para Albert: Olha, você sabe, nós somos bons amigos, mas eu vou lá e você vai se incomodar terrivelmente. Eu vou falar sobre o vírus em sua vacina. Você vai se livrar do vírus, não se preocupe com isso, você vai se livrar dele … mas é claro que Albert estava muito chateado..”

 Continua.

Viver com o Inimigo sem saber!

setembro 14, 2013 Deixe um comentário

“Comigo Ninguém Pode”! Vulgarmente. Aviso Importante! Esta planta pode matar!!!

Temos, normalmente, esta planta ornamental em nossa casa. A informação é verdadeira e, se pesquisar na Internet (Google) encontra exatamente a mesma informação deste e-mail. Tenham cuidado e evitem esta planta, especialmente se tiver crianças. Não a manipulem sem o devido cuidado.
2013.09.14 Comigo nenguem pode
Raras vezes foi tão necessário de enviar uma mensagem tão urgente quanto esta, embora, por vezes, se possa pensar que existe alarmismo desnecessário.

Esta historia é verdadeira e aconteceu algum tempo atrás.

Favor divulgue o máximo possível.

Esta planta tão linda que vemos na foto, chama-se Difembaquia da Variedade Camila ou vulgarmente “Comigo Ninguém Pode”, que se comercializa como uma bonita planta decorativa, de aparência inofensiva. Na realidade contem um dos venenos mais tóxicos e poderosos da natureza.

Quando um homem estava regando as plantas do seu escritório e, por um contato casual, tocou com a boca por menos de um segundo um pequeno pedaço de uma folha desta planta. Imediatamente sentiu o ardor de uma queimadura, correu para o sanitário e, ao ver o seu rosto no espelho, ficou em pânico por constatar que começou a ficar totalmente roxo. A língua ficou bastante inchada.

Um amigo que estava com ele, levou-o num táxi para o pronto socorro de um hospital. O trajeto de pouco menos de meia hora pareceu-lhe uma eternidade, enquanto aumentava a dificuldade em respirar e a dor intensa, que sentia nas vias respiratórias, era insuportável.

O amigo teve o cuidado de levar um pedaço da planta para a clinica. Chegando lá, foi atendido imediatamente e recebeu os primeiros socorros através de medicamentos a base de corticoides para atenuar a hiperatividade bronquial e recebeu oxigênio. Foi internado na UTI e os médicos temiam que pudesse não sobreviver a uma parada cardíaca.

Estavam prestes a encubá-lo. Apesar da rápida assistência, os seus órgãos respiratórios internos sofreram graves lesões e um dos pulmões começou a colapsar. A parte interior das vias aéreas superiores encheu-se de chagas, a boca de aftas e a dor era tão intensa que nem a morfina o aliviava.

Permaneceu na UTI durante vários dias. Os médicos ficaram admirados por ele ter sobrevivido muito mais de dez minutos ao contato com a super-venenosa planta!

Li algo sobre esta planta na internet e só uma pagina sobre plantas ornamentais indica, de maneira aproximada, qual é o seu nível de toxicidade, que é, na verdade, extremo! Sabe-se que a seiva leitosa tradicionalmente foi usada por indígenas amazônicos para envenenar a ponta das suas flechas.

O simples contato da mão sobre os olhos apos a sua manipulação produz cegueira temporária. Pode causar a morte de um bebe em pouco menos de dez segundos e normalmente asfixia uma pessoa em pouco menos de vinte minutos.

Nunca se deve manipular a planta sem luvas e ainda sempre com extrema precaução. A informação disponível na internet trivializa a sua potencia letal! Como é tão popular, será conveniente que as pessoas conheçam as suas características naturais e perigosas para que possam decidir se vale a pena té-la como ornamento, quando um simples contato casual ou acidental pode causar a morte em poucos instantes.

%d blogueiros gostam disto: