Arquivo

Posts Tagged ‘assassinato’

A Morte… e Doação de órgãos (5)

A grande duvida sempre vai ser quando uma pessoa realmente está morta, já quando foi constatada a morte cerebral ou somente quando o sangue não corre mais pelas veias?

Uma coisa é clara para me: eu nunca serei doador de órgãos e nunca autorizarei que seja uma pessoa que eu amo! Se fosse possível, proibiria qualquer doação de órgãos por motivos de crueldade e sendo assassinato! Mesmo que as vitimas não podem mais reclamar, a sociedade está sendo sistematicamente manipulada pela Igreja e a Medicina de Transplantação!

Nos últimos anos colecionei muitos casos trágicos deste assunto que fiquei convencido que envolve o 5. mandamento, como assassinato e mais, sofrimentos inimaginavelmente cruéis. Os motivos são principalmente os enormes lucros, mas que são declarados como avanços da medicina moderna, dando nova vida aos infelizes doentes.

Em 1994 foi publicado um caso terrível de “doação de órgãos” na República das Filipinas. 4 Cirurgiões do Instituto Nacional de Rins foram acusados de ter retirado rins e coração de uma vitima de transito. Conforme testemunhas, se tratava de um jovem de 18 anos, que estava vivo e sem ferimentos graves. Ele tinha o azar que um outro jovem, rico e bem sucedido, precisava estes órgãos. Mais tarde, os médicos negaram que o motivo era dinheiro, mas presentando um outro jovem com uma nova vida e que a operação era um grande sucesso.

Pergunta: Eles foram condenados? Não, ganharam tanto dinheiro que, provavelmente, subornaram os juízes.

Vivo ou morto?

Em 1996 aconteceu um caso em Frankfurt, Alemanha:

Um homem contou numa entrevista num jornal, come ele se despediu da sua mulher morrendo num hospital. Ela já estava, em coma e declarada morte cerebral. Quando ele queria sair do quarto, inesperadamente os aparelhos de medição indicaram algum sinal e o homem tinha a impressão que sua mulher queria dizer o seguinte: “Fica mais um pouco. Não vá ainda.”

O homem ficou toda a noite com sua mulher e manteve mentalmente contato com ela, ate sentiu finalmente que podia se despedir da alma da sua mulher.

Mais tarde o cirurgião contou que neste caso, durante a retirada dos órgãos, a pressão de sangue não aumentou, como acontece normalmente. Porque? Será que isso, nos outros casos, são panico e dores terríveis das pessoas morrendo ou apenas reflexos da medula espinhal, como os médicos querem fazer crer?

Pensa sobre isso… ou vai insistir em doar órgãos?

Continua.

Imagem: orgaosdoe.blogspot.com, adjorisc.com.br,

Categorias:A Morte, Astrología e Horóscopo, Manipulação, medicina Tags:, , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , ,

Reencontro com seu Assassino

julho 10, 2011 2 comentários

Quem acha que astrologia kármica de reencarnação é algo teórico, estéril ou chato está redondamente enganado.

Amor, paixão, sexo, traição, abandono, briga, violência, raiva, assassinato, morte, crueldade, emoção incontrolável, felicidade, tristeza, sofrimento e muitos outros sentimentos acontecem como nas melhores novelas. As vezes, o astrólogo vê e prevê acontecimentos dramáticas.

Vou contar a historia de uma jovem e bela mulher por volta dos 20 anos que pediu seu mapa astral kármico de reencarnação, pois sofria do medo inexplicável de ser assassinada. Logo descobri que ela realmente foi assassinada numa vida passada, e mais: ela tinha uma certa preferencia ou digamos afinidade com homens mais violentos acima da media. E um destes homens, provavelmente, estava a sua espera.

A minha recomendação era de me avisar e dar os dados de nascimento dos homens com quem tinha ou, futuramente, teria alguma relação intima. O primeiro homem foi o noivo, mas uma rápida olhada no mapa dele indicou seu caráter pacifico. Provavelmente era pacifico demais, pois ela falou que provavelmente não ia casar com ele, porque era um pouco chato e tranquilo demais. Ela preferia alguém com mais ação.

Alguns meses depois me ligou muito animada que encontrou o homem dos seus sonhos de 24 anos, mas se lembrando das minhas recomendações, ela me deu seus dados de nascimento e pediu uma interpretação urgente dele. Não pude fazer isso imediatamente, pois tinha outros pedidos na frente. Ao final foi bom, pois este jovem tinha assim oportunidade de se revelar para ela.

Quando consegui me dedicar ao novo amante deste jovem mulher, me assustei: ele era exatamente o homem que a matou numa vida passada e ela corria o mesmo risco nesta vida. Imediatamente leguei para ela e a avisei e pedi de ser muito, muito cautelosa. Dois dias depois pedi um encontro junto com este homem recém conhecido. Ele pareceu ser um jovem sem muita expressão e completamente normal e nada o caracterizou obviamente como violento. Eu queria falar com ele sozinho.

Após de me apresentar, expliquei o que tinha descoberto sobre o caráter dele, que ele não possuía nenhum controle emocional, que ele era muito violentou, que ele já matou a sua namorada numa vida passada, correndo o risco de repetir o assassinato e que eu ia recomendar a ela de se separar imediatamente dele.

Ele ficou chocada, admitia a falta de controle emocional e que era as vezes um pouco violento, mas nada mais e que não ia se separar de jeito nenhum, pois amava ela.

Durante minha conversa com ele, minha esposa conversou com a jovem mulher e tentou me mandar alguns sinais que eu não entendi. Mas era exatamente aquilo que já descobri, sobre sua violência. Depois fiquei sabendo que este jovem já bateu em sua nova namorada e a normalmente agarrava brutalmente nos braços, o que deixou suas marcas bem visíveis. Mas o mais grave tinha acontecido no fim da semana anterior. Ele era guitarrista de uma Banda de Rock e, por qualquer bagatela, ele parou de tocar e espancou um adolescente tanto, que ficou já alguns dias inconsciente num hospital. Agora estava sendo processado pela policia por tentativa de assassinato. Esta informação era uma bomba para mim, pois confirmou minha interpretação e minhas preocupações com a jovem mulher.

Resultado: a jovem se separou do seu namorado violento instantaneamente e valorizou muito mais se noivo tranquilo e “um pouco chato”.

Leitora: Para seu próprio bem, ao menor sinal de violência, separa-se do seu parceiro e procura ajuda da policia!

Imagem: novaemoderna.blogspot.com, anjoseguerreiros.blogspot.com

Categorias:Astrología e Horóscopo Tags:, , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , ,
%d blogueiros gostam disto: